Normas do Processo de Seleção

Normas gerais

- Seleção duas vezes ao ano, conforme calendário escolar da UFV;
- Inscrições via online, pelo sistema da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PPG) da UFV:
     - Os candidatos devem obedecer todas as normas definidas pela PPG para inscrição (documentos, comprovantes, taxas, e prazos);
     - Os candidatos deverão anexar currículo adequadamente organizado e documentado conforme modelo apresentado no Anexo I, disponível na página oficial do Programa de Pós-Graduação em Medicina Veterinária (PPGMV);
- Os candidatos ao curso de Doutorado deverão encaminhar proposta de projeto de pesquisa que pretendem desenvolver, elaborado conforme o modelo apresentado no Anexo II, disponível na página oficial do PPGMV. Cada candidato deverá encaminhar três cópias da proposta do projeto no máximo até 07 dias antes do início do processo de seleção;
- O número de vagas para o processo de seleção em questão será definido pela Comissão Coordenadora do PPGMV;
     - A divulgação será realizada na página oficial do PPGMV, na seção “Destaques”. Adicionalmente, informações sobre o processo de seleção aberto serão divulgadas em locais de destaque na página inicial do PPGMV (banners);
     - O número de vagas para Mestrado (MS) e Doutorado (DS) será definido conforme perspectivas de defesas anuais de MS e DS no PPGMV, considerando a relação entre formação anual de mestres e doutores recomendada pela área de Medicina Veterinária da CAPES (atualmente, máximo de 2 MS: 1 DS) e respeitando-se o limite de vagas aprovado pela CAPES e definido pela PPG;
     - Para cada seleção, fica definida reserva técnica de até 10% das vagas abertas, para candidatos estrangeiros provenientes de convênios institucionais estabelecidos com a UFV;
     - A Comissão Coordenadora recomenda a consulta a possíveis orientadores do PPGMV para verificação de disponibilidade de orientação e verificação de compatibilidade de atividades de pesquisa propostas;

- Após homologação das inscrições, a Comissão Coordenadora do PPGMV irá indicar uma Comissão de Seleção que deverá ser constituída para cada processo seletivo:
     - A Comissão de Seleção será composta por cinco professores orientadores do PPGMV, representando cada uma das linhas de pesquisa cadastradas, e um representante discente;
     - Obrigatoriamente, pelo menos um membro da Comissão Coordenadora deverá compor a Comissão de Seleção;
     - A composição da Comissão de Seleção deverá obedecer a um rodízio entre os professores orientadores, com alteração de pelo menos dois membros entre seleções seguidas;
- A Comissão de Seleção e a Comissão Coordenadora do PPGMV definirão detalhadamente as datas e locais para realização de cada etapa do processo de seleção para MS e DS

Etapas do processo de seleção

Etapa 01. Prova de inglês (20 pontos)
- Todos os candidatos de MS e DS deverão realizar uma prova de conhecimentos básicos em inglês. Essa prova será composta por questões de múltipla escolha, elaborada por parceiros terceirizados (escolas de inglês) ou pelo Departamento de Letras da UFV. As questões que irão compor a prova serão baseadas em textos que poderão abordar assuntos científicos ou de conhecimentos gerais;

Etapa 02. Prova de conhecimentos específicos (30 pontos)
- A Comissão de Seleção irá elaborar uma prova que terá como objetivo avaliar os candidatos quanto a capacidade de interpretação de problemas e formulação de hipóteses para resolução dos mesmos;
     - Como sugestão, um formato básico da prova consistirá da interpretação de artigos científicos selecionados pela Comissão de Avaliação, contemplando as diferentes linhas de pesquisa do Programa (seleção de pelo menos 5 artigos científicos); Considerando essa sugestão, os artigos selecionados não podem ser provenientes das atividades de pesquisa do PPGMV, de autoria ou co-autoria de professores e orientadores do PPGMV e/ou de candidatos ao processo de seleção;
     - Nessa opção de prova, os candidatos receberão todos os artigos selecionados pela Comissão de Seleção, dos quais devem ser omitidas as seções: Abstract/Resumo, Discussão, Conclusões, Agradecimentos, Bibliografia; após análise inicial dos artigos, cada candidato irá selecionar um artigo científico;
     - Nessa opção de prova, candidatos ao MS deverão elaborar uma discussão, com interpretação dos resultados apresentados e uma conclusão; candidatos ao DS deverão elaborar uma discussão, com interpretação dos resultados apresentados e uma conclusão, e deverão propor um plano de trabalho, com objetivos e etapas de um possível estudo, visando à continuidade ou complementação dos dados apresentados no artigo selecionado;
- O tempo limite de prova é de 3 horas e a redação deverá ser em língua portuguesa;
- A Comissão de Seleção irá corrigir as provas e a nota final de cada candidato será a média das notas de cada membro. Cada prova deverá ser corrigida por pelo menos três membros. Quando se tratar de um candidato com interesse de orientação por um dos membros da Comissão de Seleção, a prova não poderá ser corrigida pelo mesmo;

Etapa 03. Arguição (25 pontos)
- Logo após a prova de conhecimentos específicos, será organizada uma escala dos candidatos para realização da arguição;
- Cada arguição deverá ser realizada por pelo menos três membros da Comissão de Seleção;
- Candidatos a Doutorado deverão, obrigatoriamente, apresentar a proposta de projeto de pesquisa submetida 07 dias antes do início do processo de seleção, durante a arguição. O tempo de apresentação será de no máximo 15 minutos, podendo o possível orientador do candidato de doutorado estar presente durante a apresentação e arguição;
- A Comissão de Seleção irá atribuir notas a cada candidato e a nota final será a média das notas de cada avaliador.

Etapa 04. Currículo (25 pontos)
- Essa etapa constará da avaliação do currículo anexado no ato da inscrição. Todos os candidatos deverão enviar, no ato da inscrição, um currículo elaborado conforme o modelo apresentado no Anexo I, disponível na página oficial do PPGMV;
- Currículos que não seguirem ao modelo apresentado no Anexo I serão desconsiderados;
- O currículo deve ser completamente documentado. Apenas os itens que possuírem documento comprobatório compatível serão pontuados;
- Os pesos de cada seção do currículo, assim como as pontuações de cada item, encontram-se detalhados no modelo apresentado no Anexo I;
- As notas de cada seção dos currículos serão ajustadas conforme os respectivos pesos das seções, tendo como referência as notas máximas obtidas em cada seção;
- A nota final do currículo será obtida pelo somatório dos valores obtidos em cada seção. A classificação dos currículos será ajustada considerando a maior pontuação, que representará o valor 25;

- Ao final de todas as etapas da avaliação, as notas obtidas serão somadas e os candidatos serão classificados em ordem decrescente. Apenas os candidatos que obtiverem aproveitamento igual ou superior a 65% serão considerados quanto a disponibilidade de vagas por orientadores e classificação para ingresso no Programa, considerando o número de vagas abertas;
- Em caso de empate, serão considerados como critérios de desempate: 1) pontuação do currículo, 2) nota obtida na prova de conhecimentos específicos;
- Após o final das atividades, a Comissão de Seleção deverá elaborar uma ata, onde deverão constar os participantes, as etapas desenvolvidas, e o resultado final do processo de seleção, devendo ser assinada por todos os membros da Comissão. Em seguida, a ata deve ser encaminhada para a Comissão Coordenadora do PPGMV, para análise e aprovação.

- Após aprovação da ata do processo de seleção finalizado, os orientadores deverão declarar a responsabilidade de orientação dos candidatos aprovados, conforme disponibilidade de orientação definida no Regimento Interno do PPGMV;
    - Declarações temporárias de responsabilidade de orientação deverão ser analisadas e aprovadas pela Comissão Coordenadora do PPGMV, após submissão de pedido formal das partes interessadas (orientador e candidato aprovado) com justificativa e indicação do orientador que assumirá temporariamente a orientação;
    - O período máximo para orientação temporária de estudantes é de 06 meses para Mestrado e 12 meses para Doutorado; após esse prazo, caso a situação de orientação não seja regularizada, o orientado passará a ser responsabilidade do orientador que assumiu a orientação temporária;
- A disponibilidade de vagas para cada orientador será calculada pela Comissão Coordenadora do PPGMV, conforme estabelecido em seu Regimento Interno;
- Os números de vagas disponíveis por orientador para programas específicos de parceria ou intercâmbio, como MINTER e DINTER, serão definidos pela Comissão Coordenadora do PPGMV, independente dos critérios adotados para seleções convencionais;

- Após análise dos resultados do processo de seleção, e disponibilidade de orientações por orientadores, a Comissão Coordenadora do PPGMV irá elaborar uma lista dos candidatos aprovados, que deverão seguir os seguintes critérios: 1) Aproveitamento mínimo de 65% no processo de seleção, 2) Orientador que assuma a responsabilidade pela orientação, e 3) Classificação dentro do número de vagas disponibilizadas pelo PPGMV para o processo de seleção em questão;

Arquivos para Download